HISTÓRIA DO RÁDIO

História do Rádio

História do Rádio

PATERNIDADE DISPUTADA.

Assim como a televisão, a história do rádio também envolve uma briga pela “paternidade da invenção. A quem creditar o primeiro aparelho de radiotransmissão da história?

Um deles, o físico italiano Guglielmo Marconi, é o mais conhecido e reconhecido de todos. Vários manuais de história e programas infantis de ciência sempre creditaram a ele a invenção do rádio em 1896.

Entretanto, já há alguns anos, vários historiadores e pessoas nas redes sociais vêm trazendo à tona o nome do engenheiro sérvio Nikola Tesla. Este cientista, teria não somente inventado o primeiro rádio mas, dizem alguns, a primeira máquina do tempo.

Em relação à invenção do rádio, Tesla teria demonstrado um primeiro aparelho de “telégrafo sem fio” em 1893, ou seja, três anos antes da demonstração de Marconi. Mas o fato é que Tesla só teve sua invenção patenteada em 1900, quatro anos depois de Marconi.

Este e outros fatos alimentam todo um movimento de justiça histórico à Nikola Tesla enquanto inventor. Não obstante, por haver patenteado antes, a glória da invenção do primeiro rádio coube ao italiano Guglielmo Marconi.

A CULTURA DO RÁDIO.

Talvez nenhum outro invento moderno tenha marcado tanto a vida das pessoas de todas as classes sociais quanto o rádio. Mesmo depois da invenção da televisão, os primeiros programas basicamente adaptaram os modelos das novelas e programas radiofônicos.

No mundo dos esportes, até pouco tempo era muito comum ver pessoas que preferiam ir aos estádios de futebol sem deixar de acompanhar a locução do jogo por um pequeno rádio de pilha.

E mais do que isso. Os motoristas de todo o tipo, seja de caminhão, aplicativos ou motociclistas. Todos eles gostam de viajar enquanto escutam algum programa de rádio preferido. Isto explica-se facilmente pelo rádio oferecer várias funcionalidades em um mesmo canal: música, informação e entretenimento.

O RÁDIO NAS DÉCADAS DE 20, 30 E 40.

Sem risco de cair no erro, podemos afirmar com segurança que as décadas de 20, 30 e 40 foram o auge do rádio. Anterior à Primeira Guerra Mundial, o rádio era utilizado no esforço de guerra para comunicação entre tropas e envio de mensagens.

Já na década de 20, tem início a aquisição maciça de aparelhos de rádio para uso privado. No caso do Brasil, acompanhando a tendência mundial, o rádio foi inaugurado em 1922, na emblemática data de 7 de Setembro.

A ocasião era a comemoração do centenário da independência do país, e o rádio foi utilizado então para comunicar uma fala do presidente da República Epitácio Pessoa.

É interessante notarmos que essa associação inicial entre radiodifusão e poder público, acompanha a história do rádio ao longo da sua época de ouro. Sejam presidentes democratas como Roosevelt ou o Primeiro-ministro Churchill, ou ditadores do naipe de Adolf Hitler e Getúlio Vargas, o rádio muitas vezes serviu de veículo de propaganda política.

O FUTURO DO RÁDIO.

Apesar da grande diversidade e explosão de tecnologias de mídia digital e informação pela qual passamos, podemos dizer que o conceito do rádio ainda sobrevive nos podcasts.

O que é um podcast além de um programa de rádio adaptado para a era digital? E a persistência desse modelo auditivo de disseminação de informação talvez tenha uma explicação histórica.

A palavra falada e ouvida é o meio mais primitivo de comunicação da humanidade. Desde as sociedades tribais, passando pelas histórias de ninar e os discursos políticos, o ser humano ainda é muito ligado à palavra ouvida. E isto apesar do fato de sermos também muito visuais.

Mídia Digital o momento é agora!

Mídia Digital - O momento é agora!

Onde divulgar a minha empresa.

O momento é agora!

Sim, o momento é agora para quem ainda não tinha o conhecimento efetivo da mídia digital.
Ou mesmo para quem já tinha conhecimento, mas ainda não utilizava como meio de comunicação e divulgação para a sua empresa.

Descobrindo o potencial da internet e redes sociais.

Se você era do tipo de pessoa, empresário (a), que ainda não acreditava no potencial da internet e das redes sociais, para divulgação do seu negócio. Creio que depois desse período, difícil! Que todos nós estamos passando, por causa da pandemia (Covid-19).  Onde um grande número de pessoas passaram a utilizar as ferramentas online para se informar, estudar e resolver os seus problemas.

Com o atual momento que todos estamos vivendo, foi inevitável buscar soluções e se adaptar aos recursos da tecnologia. As pessoas passaram a se comunicar e reunir, através de canais online para se verem, falarem e matarem a saudades com seus familiares e amigos.

Mudanças nas empresas.

Já as empresas, estão se adaptando a uma nova realidade com seus funcionários trabalhando home office.  Com essa mudança tiveram que encontrar formas de fazer reuniões e trocas de informações através de plataformas disponíveis no mercado como Zoom, Google Meet, Skype, Workplace do Facebook entre outras.

Acreditamos, que a grande maioria, está entendendo o que a Mídia Digital, pode fazer pela sua empresa, em termos de visibilidade e interação com seus prospects, fãs, seguidores e seus clientes.  Além de ser hoje, a melhor estratégia de marketing digital, para atingir pessoas que ainda não conhecem a sua marca, produto ou serviço.

De maneira rápida, assertiva, melhor custo X benefício e com a possibilidade de medir os resultados.  Podemos afirmar, que é a melhor forma para interagir como o seu público alvo. Entre as principais mídias digitais, temos as Campanhas em Links Patrocinados do Google, Bing e Yahoo Ads e os anúncios nas Redes Sociais do Facebook, Instagram e Linkedin Ads.

Conclusão.

Com isso podemos concluir que as pessoas estão cada vez mais conectadas e interagindo no mundo online.
Portanto, fica fácil de entender, que a sua marca, produto ou serviço, deve ter destaque nesses locais se realmente pretende ter sucesso em vendas.

Quer saber mais, sobre como criar uma presença com destaque e gerar mais vendas para o seu negócio?
Entre em contato e solicite mais informações!

Onde divulgar minha empresa, produto ou serviço?

Tipos de Mídia para Divulgar minha Empresa.

Tipos de Mídia para Divulgar minha Empresa.

Muitos são os lugares para divulgar a minha empresa, produto ou serviço.

Basta falar um pouco dos tipos de publicidade e propaganda existentes, seja em mídias impressas, mídias digitais ou mesmo em painéis publicitários como os Outdoors.
Falando um pouco mais sobre as mídias, temos como opção:
TV, Rádio, Revistas, Jornais, Portais, Guias, Sites, Blogs e as Redes Sociais.

Mas entre tantas opções podemos começar com algumas perguntas, como:

1) Qual é o seu objetivo com essa divulgação?
2) Qual é o público alvo que você deseja atingir?
3) Qual será o período dessa divulgação e suas metas?
4) Qual será o valor de investimento para essa divulgação?

Todas essas perguntas deverão ser respondidas e inseridas em um plano de marketing, para que você possa de fato ter sucesso com a divulgação e obter os resultados esperados.

Aqui fica nossas sugestões de Mídias Online para divulgação de sua empresa, produto ou serviço.

Afinal, sabemos que com a chegada dos celulares smartphones, mais e mais pessoas, estão conectadas, no seu dia à dia e passaram a interagir muito mais tempo na internet e nas redes sociais.

Dessa forma, ficou inevitável não estar presente nesses canais de comunicação. Ou seja, se você pretende ter a sua marca, produto ou serviço conhecido no seu mercado de atuação, com interesse em gerar mais vendas para a sua empresa, você precisa ter visibilidade e destaque nesses endereços de acordo com o seu público.

  • Internet - Sites de Busca: Google, Bing e Yahoo.
  • Redes Sociais: YouTube, Facebook, Instagram, Linkedin, Twitter, blogs entre outros.

Quer entender melhor qual a mídia e estratégia de marketing para divulgar os seus produtos e serviços na internet e nas redes sociais? Entre em contato e receba mais informações sobre nossos serviços em mídias digitais.